Parente recupera nas curvas de Brands

Álvaro Parente esteve este domingo em plano de evidência e com uma boa estratégia conseguiu um lugar na Super-Final da ronda da Superleague Formula by Sonangol de Brands Hatch, sendo, no entanto, colocado para fora de pista logo na primeira curva por Craig Dolby. Continuar a ler

Advertisement

Carro equilibrado mas lento

Álvaro Parente teve mais uma qualificação complicada e irá arrancar para a primeira corrida da etapa de Brands Hatch da Superleague Formula by Sonangol da sétima linha da grelha de partida. Continuar a ler

Álvaro Parente espera não ter azar em Brands Hatch

Álvaro Parente tem vindo a demonstrar ser um dos pilotos de ponta na Superleague Formula by Sonangol, tendo o azar o impedido de alcançar os resultados que estão claramente ao seu alcance. No próximo fim-de-semana o jovem português terá em Brands Hatch mais uma etapa do campeonato, onde espera poder explanar todo o seu potencial. Continuar a ler

Álvaro Parente sai de Silverstone no 2º lugar


Álvaro Parente esteve em destaque na primeira ronda da Superleague Formula by Sonangol, deixando Silverstone no segundo lugar do Campeonato, demonstrando que, nas suas mãos, o carro Futebol Clube do Porto será um dos candidatos ao título deste ano. Continuar a ler

Parente inicia a temporada na vice-liderança

Álvaro Parente terminou a superfinal do fim-de-semana na quinta posição. Depois de um bom arranque, passou para a primeira posição da corrida mas, na defesa da sua posição, cometeu um erro que acabou por fazer com que perdesse várias posições. No final, este 5º lugar valeu mais 2 pontos e Álvaro Parente começa o campeonato na vice-liderança, apenas na segunda vez que experimenta o monolugar da Superleague Formula.

Mais informações assim que for possível.

Álvaro Parente na final de Silverstone

Álvaro Parente esteve em grande forma na qualificação para a primeira ronda de 2010 da Superleague Formula by Sonangol, que se disputa amanhã em Silverstone, colocando o carro do Futebol Clube do Porto num excelente segundo lugar da grelha de partida. Continuar a ler

Álvaro Parente arranca de 9º, apesar das bandeiras amarelas

VY9E2108

Álvaro Parente alcançou hoje a nona posição da grelha de partida para a primeira corrida de GP2 do programa do Grande Prémio de Fórmula 1 da Alemanha, a disputar amanhã em Nurburgring, depois de ter sido prejudicado na sua volta mais rápida.

O traçado germânico apresentou-se ao longo dia de hoje com forte nebulosidade e com temperaturas baixas, chegando a cair alguns pingos de chuva, o que precipitou a entrada de todos os pilotos em pista de modo a garantirem rodar ainda com o asfalto seco.

Sem que a ameaça de chuva se tenha concretizado, Álvaro Parente esteve sempre entre os pilotos mais rápidos em pista, chegando a deter o sexto registo. No entanto, com o seu segundo jogo de pneus, viu a sua volta mais rápida ser prejudicada por um pião de Luca Filippi, dado que foi dos primeiros pilotos a apanhar bandeiras amarelas devido ao erro do italiano, vendo-se obrigado a levantar o pé. “O carro está bem equilibrado e rápido, o que me permitiu rodar em tempos muito competitivos. Porém, na minha melhor volta apanhei bandeiras amarelas devido ao pião do Filippi, o que me abrigou a reduzir substancialmente o meu andamento. Penso que, sem isto, poderia ter alcançado um lugar entre os quatro primeiros”, salientou o jovem piloto da Ocean Racing Technology.

A arrancar do nono lugar da grelha de partida, as expectativas do português são elevadas, dado que o seu carro está equilibrado, apesar da superioridade evidenciada pelos pilotos da ART Grand Prix e da Piquet GP. No entanto, o arranque será um momento de extrema importância, dada a natureza da primeira curva do traçado de Nurburgring. “O carro está bem afinado e não está a desgastar muito os pneus, o que nos dá a garantia de sermos rápidos e consistentes ao longo de toda a corrida. Ainda assim, desconhecemos qual a situação dos restantes pilotos e a partida será determinante, dado que tenho muitos carros à minha volta e a primeira curva deste circuito é propensa aos toques. Penso que podemos lutar pelas posições pontuáveis e esse é o nosso objectivo para a corrida de amanhã”, afirmou com confiança o piloto apoiado pela Soccerade, Delta, TMN, Aurora Group, Geotur e Cision.

A prova de amanhã terá o seu início às 15 horas, hora de Lisboa, e será transmitida em directo pela Sport TV2.

Da diversão da Boavista para a competição de Nurburgring

3662096929_dfeeced304

Depois de uma passagem pelo Circuito da Boavista, Álvaro Parente ruma agora a Nurburgring para mais uma ronda da temporada de 2009 de GP2, onde espera poder lutar pelos lugares de topo ao longo de todo o fim-de-semana.

O patrono do traçado portuense passou pelo paddock do evento em que a principal competição era o WTCC e mostrou-se agradado com todo o espectáculo, sublinhando que este é um acontecimento importante para a sua cidade. “O circuito é interessante, apesar de existirem ainda algumas arestas para limar. É um excelente espectáculo que tráz muita gente ao Porto e é muito importante. Por isso, penso que todos os portuenses devem acarinhar este evento e certificarem-se que será mantido por muitos e bons anos”, afirmou Álvaro Parente.

Depois do fim-de-semana lúdico da Boavista, o jovem da Ocean Racing Technology está já de olhos postos em Nurburgring, onde está convicto de que terá um monolugar bastante competitivo, tal como aconteceu nas duas últimas rondas. ”O circuito alemão é um pouco diferente de Istambul e de Silverstone, exige um carro mais macio. No entanto, penso que poderemos encontrar uma boa afinação e, desse modo, mostrar-nos competitivos ao longo de todo o fim-de-semana”, apontou o piloto apoiado pela Soccerade, Delta, TMN, Aurora Group, Geotur e Cision.

Após quatro rondas disputadas, Álvaro Parente está ávido de bons resultados e considera que em Nurburgring, com a ajuda da Ocean Racing Technology, poderá lutar pelas posições cimeiras, como tem feito ao longo de praticamente toda a temporada. “O meu objectivo é, cada vez mais, andar na frente. Penso que poderemos ser competitivos e alcançar o tipo resultados que o andamento que temos vindo a evidenciar merece. Em Nurburgring não é muito fácil ultrapassar, o que torna a qualificação ainda mais importante, mas julgo que teremos argumentos para alcançar um bom lugar na grelha de partida”, concluiu o piloto de vinte e quatro anos.

À semelhança do que tem vindo a ser habitual, a Sport TV irá transmitir todas as sessões competitivas de GP2 realizadas em Nurburgring, disputando-se a qualificação na próxima sexta-feira, enquanto que as corridas serão realizadas no sábado e no domingo.

Mais uma boa recuperação de Álvaro Parente

04AParente_Silverstone_04

Álvaro Parente protagonizou na corrida de GP2 de Silverstone desta manhã mais uma boa recuperação que o levou desde o vigésimo quarto lugar até ao décimo primeiro posto.

Após o toque de que foi alvo ontem, hoje o jovem português esperava uma prova difícil, uma vez que partia da cauda do pelotão. No entanto, o piloto da Ocean Racing Technology, como é habitual, não baixou os braços e protagonizou um arranque extraordinário que o guindou à décima quarta posição no final da primeira volta. Com uma postura aguerrida, assinou mais três ultrapassagens oportunas, subindo ao décimo primeiro lugar, logo atrás do seu carrasco de ontem – Vitaly Petrov.

Apesar do elevado ritmo que evidenciava, Álvaro Parente não foi capaz de ultrapassar o russo, concluindo a segunda corrida de Silverstone à porta do top-ten. “Estava muito rápido e isso permitiu-me ganhar muitos lugares nas primeiras voltas. Pressionei bastante o Petrov, mas não quis arriscar um novo toque com ele e os pneus acabaram por perder eficácia. No final da prova voltei a ficar em condições de o atacar com maior intensidade, mas o Safety-Car entrou em pista e não pude tentar qualquer ultrapassagem”, afirmou o piloto apoiado pela Soccerade, Delta, TMN, Aurora Group, Geotur e Cision.

Álvaro Parente abandona Silverstone sem qualquer ponto, mas mostrou novamente que, sem azares e pequenos incidentes que podem condicionar todo um fim-de-semana, poderá bater-se pelos lugares do pódio e até pelas vitórias. “Desde o início da temporada que temos vindo a mostrar andamento para lutar pelas posições pontuáveis e até pelos triunfos, mas acontece sempre qualquer coisa, por vezes um pequeno detalhe noutras ocasiões um toque de um adversário, que nos impedem transformar em resultados o andamento que evidenciamos. Vou continuar a trabalhar arduamente e, com a ajuda da Ocean Racing Technology, tenho a certeza de que vou ultrapassar esta fase e conquistar os resultados que eu sei estarem ao nosso alcance”, frisou com confiança o portuense de vinte e quatro anos.

A GP2 tem agora um interregno de três semanas, regressando entre os dias 10 e 12 de Julho em Nurburgring, Alemanha.

Prova de azar para Álvaro Parente

04AParente_Silverstone_03

Álvaro Parente não foi afortunado na corrida de GP2 disputada hoje em Silverstone, tendo abandonado devido a um toque de um adversário logo na primeira curva.

Ao arrancar do terceiro lugar da grelha de partida e com um carro bastante competitivo, o piloto português tinha armas para lutar pelo triunfo na prova desta tarde. No entanto, o arranque não lhe correu bem e ao chegar a Copse, no meio de dois carros, acabou por ser tocado por um adversário, o que ditou o seu abandono nas boxes devido a um tirante da suspensão da frente esquerda partido. “Reagi bem aos semáforos, mas aquela zona da pista não tinha muita aderência e parti muito devagar. Acabei por ficar entre o di Grassi e o Petrov na aproximação à primeira curva; eu tentei evitar qualquer incidente, dando espaço a todos, mas o russo realizou a curva como se eu não estivesse lá e bateu na roda frente direita do meu carro”, começou por dizer o piloto da Ocean Racing Technology visivelmente abatido, prosseguindo: “O carro estava muito bem equilibrado e julgo que poderíamos lutar pela vitória, o que torna tudo ainda mais frustrante”.

Apesar de ter um carro capaz de lutar pelas posições cimeiras, amanhã o jovem apoiado pela Soccerade, Delta, TMN, Aurora Group, Geotur e Cision terá que arrancar para a segunda corrida do vigésimo quarto posto, o que quase o impossibilita alcançar um resultado de relevo. No entanto, com o estoicismo que lhe é reconhecido, irá lutar com todas as suas armas de modo realizar uma boa recuperação. “Amanhã terei mais uma prova de recuperação e, uma vez mais, vou dar o meu melhor para alcançar um bom lugar. Contudo, a corrida é muito curta e todos os pilotos terão pneus novos, o que torna muito complicado ganhar lugares. As corridas são assim mesmo e amanhã tenho esquecer o que aconteceu e bater-me por um bom resultado”, sublinhou o portuense de vinte e quatro anos

A corrida de amanhã terá a sua partida às 9h30, hora de Lisboa, e será transmitida em directo pela Sport TV1.

Boa qualificação para Álvaro Parente

04AParente_Silverstone_02

Álvaro Parente protagonizou hoje uma prestação notável na qualificação para a primeira corrida de GP2 do programa do Grande Prémio da Grã-Bretanha, o que lhe permite arrancar amanhã do terceiro posto.

Como é habitual, a sessão que determina a grelha de partida para a prova mais extensa da categoria que antecede a Fórmula 1 foi bastante competitiva, mas o piloto português mostrou-se sempre capaz de se bater pelas posições cimeiras, como já tinha demonstrado na sessão de treinos-livres matinal, onde alcançou o quinto registo.

Com o carro da Ocean Racing Technology bastante bem afinado, Álvaro Parente não conseguiu tirar o melhor partido do primeiro jogo de pneus, devido ao muito tráfego em pista, mas com o segundo set de pneumáticos conseguiu guindar-se ao terceiro posto, ficando a escassos décimos de segundo de Alberto Valério, o segundo mais rápido. “O carro está muito bem equilibrado, é muito rápido nas curvas de alta velocidade, o que é muito importante neste circuito. Nas curvas mais lentas está um pouco solto, mas é assim que um carro é competitivo em Silverstone. Este resultado é muito importante para mim e para a equipa depois dos problemas que temos tido ao longo do ano e estou muito satisfeito por ter alcançado um bom lugar na grelha de partida”, salientou o jovem apoiado pela Soccerade, Delta, TMN, Aurora Group, Geotur e Cision.

Para a prova de amanhã as expectativas do portuense de vinte e quatro anos são, naturalmente, elevadas, dado que, para além de partir de uma boa posição, tem ao seu dispor um carro rápido. “Sinto-me bem e muito motivado, o que me deixa confiante de poder alcançar um lugar no pódio na corrida de amanhã. É claro que o objectivo de qualquer piloto é lutar sempre pela vitória e julgo que poderei bater-me por ela, mas é necessário ter uma postura prudente de modo a poder garantir um bom resultado”, sublinhou Álvaro Parente que em 2005 venceu em Silverstone duas provas do Campeonato Britânico de Fórmula 3.

A corrida de amanhã terá a sua partida às 15 horas, hora de Lisboa, e será transmitida em directo pela Sport TV1.

Fique a saber como foi que  Álvaro Parente realizou a volta que lhe garantiu o terceiro tempo na qualificação para a primeira corrida de GP2 de Silverstone.

Álvaro em 3º na qualificação

MZ4E2646

Terminou à instantes a qualificação em GP2 para o grande prémio de Inglaterra e o Álvaro conseguiu um bom tempo na qualificação arrancando amanha da 3ª posição. Foi uma boa prestação de Álvaro, que tem amanha reais possibilidades de vencer a prova inglesa.

Mais uma vez Romain Grosjean ficou com a pole position seguido de Alberto Valerio na segunda posição.

Perspectiva-se amanha uma boa corrida dado o equilíbrio de tempos na tabela, sendo fundamental ter um bom “setup” para a corrida.

Tabela de tempos:

Driver

Team

Time

Laps

1. Romain Grosjean

Barwa Addax Team

1:25.899

13

2. Alberto Valerio

Piquet GP

1:26.103

14

3. Alvaro Parente

Ocean Racing Technology

1:26.162

14

4. Jérôme d’Ambrosio

DAMS

1:26.317

16

5. Lucas di Grassi

Fat Burner Racing Eng.

1:26.370

15

6. Vitaly Petrov

Barwa Addax Team

1:26.381

13

7. Nico Hülkenberg

ART Grand Prix

1:26.406

15

8. Javier Villa

Super Nova Racing

1:26.678

17

9. Pastor Maldonado

ART Grand Prix

1:26.723

15

10. Kamui Kobayashi

DAMS

1:26.747

13

11. Diego Nunes

iSport International

1:26.831

16

12. Karun Chandhok

Ocean Racing Technology

1:26.842

15

13. Dani Clos

Fat Burner Racing Eng.

1:26.927

15

14. Davide Rigon

Trident Racing

1:27.086

15

15. Davide Valsecchi

Durango

1:27.105

16

16. Andreas Zuber

FMSI

1:27.106

15

17. Giedo van der Garde

iSport International

1 :27.135

17

18. Luca Filippi

Super Nova Racing

1:27.379

15

19. Edoardo Mortara

Telmex Arden International

1:27.494

16

20 Michael Herck

DPR

1:27.598

14

21. Nelson Panciatici

Durango

1:28.014

15

22. Giacomo Ricci

DPR

1:28.043

15

23. Luiz Razia

FMSI

1:28.789

6

Roldan Rodriguez

Piquet GP

2

Ricardo Teixeira

Trident Racing

1

Sergio Perez

Telmex Arden International

1

Volta com Álvaro Parente em Silverstone

Esta semana iniciamos uma nova rúbrica no blog, a partir de agora todas as semanas antes de cada corrida de GP2 iremos apresentar uma volta no circuito em que a caravana da GP2 passar, e comentada pelo Álvaro sempre que possível.

Silverstone é uma pista que certamente traz ao Álvaro boas recordações, pois em 2005, enquanto estava na F3 Britânica, conquistou duas vitórias nas três corridas que lá se disputaram.

Nesta volta vamos usar um videojogo chamado rFactor com o “mod” de GP2. A equipa do blog agradece ao Ricardo Ferreira pelo trabalho desenvolvido na “skin” da ORT e agradecemos também à própria ORT por nos ter dado autorização para utilizar o design do carro.

Aqui fica uma volta com Álvaro Parente:

Para uma melhor visualização veja o vídeo em “full screen”

Álvaro Parente olha para os pontos de Silverstone

04AParente_Silverstone_01

Álvaro Parente irá disputar no próximo fim-de-semana em Silverstone mais uma etapa da GP2 Series, estando determinado em concretizar em resultados o bom andamento que tem vindo a demonstrar desde o início da temporada.

O piloto português chega à histórica pista britânica confiante de que poderá, uma vez mais, bater-se pelas posições cimeiras, dado que, na Turquia, o carro da Ocean Racing Technology mostrou-se capaz de se bater pelas posições do pódio e as semelhanças entre o circuito de Silverstone e o turco são evidentes. “Tudo indica que possamos ser competitivos, uma vez que este traçado é muito parecido com o de Istambul e os compostos de pneus serão os mesmos. Foi evidente que evoluímos e em Silverstone iremos continuar a trabalhar da mesma forma, por isso, esperamos poder aspirar a lutar pelas melhores posições do pelotão”, afirmou o jovem apoiado pela Soccerade, Delta, TMN, Aurora Group, Geotur e Cision.

Álvaro Parente tem realizado provas verdadeiramente arrebatadoras e, com a ambição que o caracteriza, chega a Silverstone ainda mais motivado e empenhado em conquistar os resultados que estão ao alcance do ritmo que tem evidenciado ao longo de toda a época. “Conheço bem o circuito, uma vez que já lá corri de Fórmula 3 e de GP2. Julgo que serei competitivo e vou dar o meu melhor para marcar muitos pontos e registar bons resultados. No entanto, todos sabemos que o plantel da GP2 é muito competitivo e que cada corrida ou qualificação é uma verdadeira batalha”, sublinhou o piloto de vinte e quatro anos.

Como é habitual, todas as sessões competitivas de GP2 serão transmitidas pela Sport TV, disputando-se a qualificação na sexta-feira e as duas corridas nos dois dias seguintes.