Barcelona – Dia 3 – Press Release

Álvaro Parente vem de Barcelona confiante

paulr09_25

Álvaro Parente continuou a mostrar a sua competitividade no derradeiro dia de testes desta semana em Barcelona, tendo garantido a segunda marca na sessão matinal e um revelador oitavo posto obtido com pneus usados durante a tarde. Continuar a ler

Advertisement

Barcelona – Dia 3 – Sessão da Tarde

Na última tarde de testes, o Álvaro quedou-se pelo nono tempo. Mais informações serão disponibilizadas assim que for possível.

1.

Pastor Maldonado

ART Grand Prix

1:28.368

51

2.

Alberto Valerio

Piquet GP

1:28.594

35

3.

Roldan Rodriguez

Piquet GP

1:29.011

28

4.

Giedo Van der Garde

iSport International

1:29.083

27

5.

Sergio Perez

Telmex Arden International

1:29.144

28

6.

Vitaly Petrov

Barwa Campos Team

1:29.286

25

7.

Davide Valsecchi

Durango

1:29.336

30

8.

Romain Grosjean

Barwa Campos Team

1:29.365

20

9.

Alvaro Parente

Ocean Racing Technology

1:29.444

22

10.

Davide Rigon

Trident Racing

1:29.832

35

11.

Edoardo Mortara

Telmex Arden International

1:29.834

8

12.

Nelson Panciatici

Durango

1:29.870

31

13.

Diego Nunes

iSport International

1:30.027

25

14.

Jérôme d’Ambrosio

Dams

1:30.164

47

15.

Javier Villa

Super Nova Racing

1:30.543

32

16.

Dani Clos

Fat Burner Racing Engineering

1:30.639

31

17.

Nico Hülkenberg

ART Grand Prix

1:30.691

47

18.

Luiz Razia

Fisichella Motor Sport Int.

1:30.952

37

19.

Luca Filippi

Super Nova Racing

1:31.160

27

20

Karun Chandhok

Ocean Racing Technology

1:31.194

34

21.

Michael Herck

DPR

1:31.216

34

22.

Lucas di Grassi

Fat Burner Racing Engineering

1:31.236

42

23.

James Jakes

DPR

1:31.566

35

24.

Kamui Kobayashi

Dams

1:31.979

19

25.

Ricardo Teixeira

Trident Racing

1:32.494

24

26.

Andreas Zuber

Fisichella Motor Sport Int.

Barcelona – Dia 3 – Sessão da Manhã

img_0150

Continuam os testes em Barcelona e o Álvaro continua com boas prestações, esta manhã terminou no 2º posto na tabela de tempos. Ao que foi possível apurar ontem, o Álvaro hoje de manhã ia fazer simulação de corrida.

Tabela de Tempos:

1º. Javi Villa 1.26:696 35 voltas
2º. Álvaro Parente 1.26:735 32 voltas
3º. Lucas Di Grassi 1.26:858 43 voltas
4º. Luca Filippi 1.26:882 24 voltas
5º. Romain Grosjean 1.26:903 35 voltas
6º. Roldán Rodriguez 1.26:913 27 voltas
7º. Van der Garde 1.27:026 23 voltas
8º. Kamui Kobayashi 127:088 38 voltas
9º. Sergio Perez 1-.27:155 29 voltas
10º. Jerôme D’ambrosio 1.27:247 29 voltas
11º. Nico Hülkenberg 1.27:316 25 voltas
12º. Andreas Zuber 1.27:349 21 voltas
13º. Vitaly Petrov 1.27:369 27 voltas
14º. Edoardo Mortara 1.27:525 42 voltas
15º. Michael Herck 1.27:665 25 voltas
16º. Davide Valsecchi 1.27:673 30 voltas
17º. Dani Clos 1.27:699 35 voltas
18º. James Jakes 1.27:796 23 voltas
19º. Alberto Valerio 1.27:877 21 voltas
20º. Davide Rigon 1.27:899 37 voltas
21º. Nelson Panciatici 1.27:995 29 voltas
22º. Pastor Maldonado 1.28:033 11 voltas
23º. Diego Nunes 1.28:127 27 voltas
24º. Karun Chandhock 1.28:273 24 voltas
25º. Luiz Razia 1.28:609 29 voltas
26º. Ricardo Teixeira 1.29:728 32 voltas

Barcelona – Dia 2 – Press Release

parente_barcelona_ii

Álvaro Parente continuou a dominar os testes de GP2 que se realizam esta semana no Circuit de Catalunya, tendo hoje garantido o melhor tempo nas duas sessão realizadas, o que o deixou bastante agradado.

Continuar a ler

Barcelona – Dia 1 – Press Release

parente_barcelona

Esta segunda-feira em Barcelona, a GP2 iniciou a última sessão de testes colectivos antes do início do campeonato, marcado para meados de Maio, curiosamente, no circuito da Catalunha.

Neste primeiro dia, o mais rápido foi Lucas di Grassi após realizar um tempo em 1:27:471, já na final da sessão. O piloto brasileiro da Racing Engineering superou em 0.262s a segunda melhor marca detida por Álvaro Parente, que havia sido o mais rápido na sessão da manhã.

Nem tudo foram rosas para Parente de manhã! O portuense queixou-se, como a maioria dos pilotos, da degradação excessiva dos pneus, mas um problema que foi selecionado durante a tarde. “É sempre positivo quando se termina uma sessão de testes no topo da tabela de tempos. O carro estava muito bem equilibrado e dava-me confiança para atacar, o único senão era a forma como usava os pneus, que se degradavam rapidamente. No entanto, nós sabíamos a origem do problema e estávamos confiantes de que poderíamos resolvê-lo, como se veio a verificar.”

Já de tarde, “Fomos evoluindo o carro ao longo de todo o dia e, à tarde, conseguimos encontrar uma solução para evitar o desgaste prematuro dos pneus, sem que perdêssemos velocidade. Estou cada vez mais bem integrado na equipa e isso contribui para que possamos trabalhar mais e melhor. Os tempos de hoje demonstram que estamos a evoluir no bom sentido, o que me deixa confiante”, concluíu Varinho.

Já na terceira posição ficou o belga da DAMS, Jerôme D’Ambrosio, que realizou a sua melhor marca em 1:27:854. O russo Vitaly Petrov, em Barwa Addax, conquistou o quarto melhor tempo, logo à frente de Pastor Maldonado, que foi quinto no monolugar da Art-Grand Prix.

Na última posição, num monolugar da equipa Trident, o luso-angolano Ricardo Teixeira realizou a sua melhor volta em 1:34:134, cerca de mais de seis segundos e meio de di Grassi.

Os testes continuam amanhã, prolongando-se até 4ª feira.

Press Release gentilmente cedido pelo “16 Válvulas”.

Barcelona – Dia 1 – Tempos da sessão da tarde

alvaro-testes-barca

O Álvaro fez o segundo melhor tempo na sessão da tarde, mais informações serão dadas assim que possível.

Tabela de Tempos:

Driver

Nationality

Team

Time

Laps

1.

Lucas di Grassi

BRA

Fat Burner Racing Engineering

1:27.471

30

2.

Alvaro Parente

POR

Ocean Racing Technology

1:27.787

15

3.

Nico Hülkenberg

GER

ART Grand Pric

1:27.973

32

4.

Vitaly Petrov

RUS

Barwa Campos Team

1:28.024

20

5.

Javier Villa

ESP

Super Nova Racing

1:28.036

18

6.

Davide Valsecchi

ITA

Durango

1:28.192

15

7.

Pastor Maldonado

VEN

ART Grand Prix

1:28.199

22

8.

Roldan Rodriguez

ESP

Piquet GP

1:28.411

26

9.

Jérôme d’Ambrosio

BEL

Dams

1:28.477

26

10.

Edoardo Mortara

ITA

Telmex Arden International

1:28.566

23

11.

Karun Chandhok

IND

Ocean Racing Technology

1:28.581

23

12.

Kamui Kobayashi

JAP

Dams

1:28.616

31

13.

Alberto Valerio

BRA

Piquet GP

1:28.753

28

14.

Andreas Zuber

UAE

Fisichella Motor Sport Int.

1:28.790

15

15.

Diego Nunes

BRA

iSport International

1:28.794

21

16.

Giedo van der Garde

NED

iSport International

1:28.806

24

17.

Michael Herck

ROM

DPR

1:28.850

13

18.

Sergio Perez

MEX

Telmex Arden International

1:28.877

24

19.

Romain Grosjean

FRA

Barwa Campos Team

1:28.91(

26

20

Nelson Panciatici

FRA

Durango

1:28.925

23

21.

Dani Clos

ESP

Fat Burner Racing Engineering

1:29.301

21

22.

Luca Filippi

ITA

Super Nova Racing

1:29.709

18

23.

Davide Rigon

ITA

Trident Racing

1:29.761

28

24.

Luiz Razia

BRA

Fisichella Motor Sport Int.

1:29.805

17

25.

James Jakes

GBR

DPR

1:30.248

17

26.

Ricardo Teixeira

POR

Trident Racing

1:34.105

24

Testes em Barcelona

Álvaro Parente faz o melhor tempo na sessão da manhã tendo realizado só 10 voltas. Mais informação assim que for possivel.

Tabela de Tempos:

1º. Alvaro Parente 1.27:733 9 voltas
2º. Jerome D’Ambrosio 1.27:854 14 voltas
3º- Vitaly Petrov 1.27:897 12 voltas
4º. Lucas Di Grassi 1.27:905 15 voltas
5º. Pastor Maldonado 1.27:936 16 voltas
6º. Nico Hülkenberg 1.28:052 19 voltas
7º. Davide Valsecchi 1.28:077 20 voltas
8º. Roldan Rodríguez 1.28:123 14 voltas
9º. Kamui Kobayashi 1.28159 13 voltas
10º. Luca Filippi 1.28:200  12 voltas
11º. Alberto Valerio 1.28:435 16 voltas
12º. Karun Chandhok 1.28:474 15 voltas
13º. Diego Nunes 1.28:608 22 voltas
14º. Sergio Perez 1.28:627 17 voltas
15º. Dani Clos 1.28:675 6 voltas
16º. Javi Villa 1.28:861 14 voltas
17º. Andreas Zuber 1.28:910 17 voltas
18º. Edoardo Mortara 1.29:068 20 voltas
19º. Romain Grosjean 1.29:113 20 voltas
20º. Michael Herck 1.29:198 12 voltas
21º. Gideo Van  der Garde 1.29:565 15 voltas
22º. Nelson Panciatici 1.29:820 25 voltas
23º. Davide Rigon 1.29:909 22 voltas
24º. Luiz Razia 1.30:071 16 voltas
25º. James Jakes 1.30:088 8 voltas
26º. Ricardo Teixeira 1.34.601 24 voltas

Parente quer evoluir o ORT em Barcelona

A preparação da temporada europeia de GP2 prossegue e, depois dos bons resultados obtidos no primeiro teste do ano, Álvaro Parente espera que na próxima semana, nos ensaios previstos para Barcelona, possa continuar a evoluir o carro da Ocean Racing Technology.

Continuar a ler

Bom dia de trabalho para Álvaro Parente

alvaro-parente

Depois de um primeiro dia de testes complicado, hoje Álvaro Parente pôde hoje rodar consistentemente em Paul Ricard, registando tempos que lhe permitiram figurar confortavelmente no top-ten ao longo das sessenta e seis voltas que completou ao longo do dia. Porém, foram-lhe retiradas as suas marcas da tarde, dado o seu carro estar um quilograma abaixo do peso mínimo regulamentar, muito embora os seus crono tenham sido registados com um monolugar dentro dos regulamentos.

Durante a manhã, o jovem piloto da Ocean Racing Technology procurou ambientar-se às características do carro, progredindo sistematicamente ao longo das trinta e cinco voltas que realizou. Os tempos foram o reflexo do bom trabalho desenvolvido por Álvaro Parente em conjunto com a sua nova equipa, terminando a sessão matinal com o sétimo tempo a escassos dois décimos de segundo de Romain Grosjean, o mais rápido.

O plano de trabalho para a tarde era também bastante completo, passando pela procura de uma afinação que se adaptasse ao seu estilo de pilotagem. O piloto de vinte e quatro anos foi uma presença assídua em pista, realizando trinta e uma voltas ao traçado francês. Os tempos que foi registando foram, à semelhança da manhã, bastante competitivos, contudo, após a bandeirada de xadrez, o seu carro acusou na balança um quilograma abaixo do peso mínimo regulamentar, sendo-lhe retirados os seus cronos vespertinos – uma situação vivida também por Edoardo Mortara – perdendo o oitavo lugar que alcançara.

“Da parte da manhã rodámos essencialmente para percebermos em que nível estava o carro. Fiquei satisfeito com a sua afinação de base e penso que existe potencial para melhorar. Durante a tarde fomos experimentando novas soluções, o que nos permitiu alcançar algumas boas conclusões. Acabei por ficar sem tempos, dado estar abaixo do peso mínimo, mas julgo que isso se deveu a uma volta a mais que terei dado”, sublinhou Álvaro Parente visivelmente agradado com os progressos realizados esta quinta-feira.

O plantel da GP2 continuará a testar amanhã e o jovem do Porto está confiante de que poderá prosseguir a evolução do carro da Ocean Racing Technology. “Amanhã, iremos continuar a avaliar diferentes afinações de modo a que cheguemos ao teste de Barcelona já com um set-up base bem definido. Agradou-me a forma como eu e a equipa fomos evoluindo o carro e julgo que amanhã poderemos dar mais um passo no bom sentido”, conclui o piloto português.